Europa

Pichação nas paredes da Andaluzia e algo mais

O mobiliário urbano da Andaluzía é bastante competente, tornando as cidades muito aprazíveis.

Mas em nossa estadia uma coisa me chamou muito a atenção: o teor das pichações e outras ‘formas de recado’ no ambiente coletivo. Quer ver só algumas mostras de Pichação nas paredes?

IMG_2756
Proibir o aborto é tortura – Em Granada
IMG_2755
Submissa? Nem na sua missa (na parede de uma igreja) – Em Granada
P1040813
Ocupa, Ataca ao Capital – Em Granada
P1040812
Em Granada
IMG_2700
Aborto livre e seguro – Em Málaga
IMG_2466
Em Jerez de La Frontera
IMG_2469
Estamos sendo roubados, não fique aí parado – Em Jerez de la Frontera
IMG_2394
essa é das minhas favoritas: Tira o seu terço dos meus ovários – Málaga
IMG_2345
Sua mordaça não silencia a nossa luta – Málaga
IMG_2344
Aborta o fascista – Málaga
IMG_2327
cocô proibido, em Ronda
IMG_2293
Gastam-se milhares de Euros em arte, e as pessoas morrem de fome nas ruas. Mafalda em Málaga
IMG_2292
multa pesada pro cocô do cachorro, em Sevilla
IMG_2243
Come, caga e recolhe – em Granada
IMG_2227
Em Córdoba, banheiro público onde não se pode ficar mais do que 15 minutos, tá?
IMG_2201
A Educação não se Vende, Córdoba
IMG_2170
Não sobram imigrantes, sobram racistas. Ronda
IMG_2156
Adorei essa: não posso ser a mulher da sua vida porque já sou a mulher da minha – Málaga
IMG_2151
75.000 casas vazias em Málaga
IMG_2115
Se você me bater eu te mato – Málaga
IMG_2116
Contra a violência machista – Málaga
IMG_2087
Eu também abortei, Málaga
IMG_2086
o meu corpo não é legislável – Málaga
IMG_3234
Pare a islamização, não mais mesquitas – Málaga
IMG_3227
a virgem maria também abortaria, na parede de uma igreja em Málaga
IMG_3093
Uma freira e a mensagem: eu também já abortei. Málaga
IMG_3091
De uma loja de cosméticos de Málaga: os direitos LGTB são direitos humanos
IMG_3073
manifestantes contra a lei que controla protestos na rua. Málaga

Em constante transformação e discussão a sociedade espanhola passa por dilemas: crise econômica, imigrantes, revendo a lei do aborto, e tantas outras, que faz com que as cidades e seus muros sejam espaços de manifestar as indignações.

Olé.

Você já segue o Comendo Chucrute e Salsicha pelo instagram? Opa: @comendochucruteesalsicha

E já curtiu a página do blog no facebook?

Acompanhe tudo lá em tempo (quase) real!

Etiquetas
Mostrar Mais

Posts Relacionados

4 Comentários

  1. ….É as pessoas protestam por onde tem espaços, não querem nem saber ou analisar se é ponto turisticos, bustos, estátuas, se fica bem ou sujo…o que importa é dar seu recado ou suas indignações….abraço..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar