Brasil

Marco das Três Fronteiras

O Marco das Três Fronteiras é um lugar histórico na demarcação do território brasileiro. Em cada uma das franjas da tríplice fronteira tem um, com as cores das respectivas bandeiras nacionais.

marco das três fronteiras

Do lado paraguaio nunca existiu nada além do marco em si em mato. O lado argentino foi revitalizado há alguns anos, assim como seu entorno. Ali se encontram restaurantes, pista de caminhada, praça e etc. No marco das três fronteiras propriamente dito, há show de luzes e de águas em uma praça bem cuidada. Não custa nada para visitar.

O marco das três fronteiras do lado brasileiro esteve abandonado por anos a fio. Nos anos 1990 foi construído ali nas imediações um espaço para eventos, chamado Espaço das Américas, que foi totalmente abandonado também. Era um lugar entregue à criminalidade e considerado perigoso.

marco das três fronteiras

Este ano o espaço foi concedido em licitação à mesma empresa que administra a parte turística do Parque Nacional do Iguaçu e em pouco tempo foi entregue a comunidade a primeira etapa da obra. O espaço agora se chama Marco das Américas, onde está compreendido o Marco das Três Fronteiras.

marco das três fronteiras
vista geral

O que há disponível é uma loja de souvenir, com produtos bonitos mas caros. Uma praça em torno do marco das três fronteiras e um restaurante/botiquim chamado Cabeza de Vaca. No final da tarde tem um músico tocando violino.

O principal atrativo do lugar é sem dúvidas o por do sol, que em Foz é sempre muito especial, mas lá particularmente é arrasador.

marco das três fronteiras
eu não disse?

Para visitar custa R$15,00. Eu achei caro pelo o que oferece tá? Ainda faltam mais duas etapas da obra para serem entregues e então talvez eu deixe de achar caro. Mas para o que oferece tá puxado sim.

Eles tem políticas de desconto, informe-se.

Este passeio foi apoiado pela agência de viagens Combo Iguassu, mas  opiniões contidas neste post são independentes e refletem a experiência vivida.

Gostou? Comenta!
Aqui neste link tem post índice com todas as postagens já publicadas sobre Foz neste blog!

Curte muito o blog? Se inscreve ali no canto superior direito para receber SOMENTE os novos posts no seu e-mail.

Você já curtiu a FanPage do blog no Facebook? Ahhh curte lá: https://www.facebook.com/ComendoChucruteeSalsicha

Aproveita e segue no Instagram também: @comendochucruteesalsicha
Esta viagem foi realizada com o apoio do Hotel Tarobá e da Agência de Viagens Combo Iguaçu. Contudo, as opiniões aqui expressas são independentes e dizem respeito às experiências reais.

Mostrar Mais

Posts Relacionados

26 Comentários

  1. Eu tinha lido seu post semana passada, pois vamos para Foz em Maio, e achei que seria um lugar bem curioso para apresentar ao pequeno.
    Mas continuo em dúvida, se vamos visitar ou não. Você acha bacana com criança, visto que tem tanta atração legal, por lá?

    Beijos

  2. Não entendon pq lugares assim afastam as pessoas, pq cobrar se podem lucrar com o q sera vendido? pq nao colocar atrativos para q as pessoss desejem voltar, ficar mais tempo e assim gadtar mais do que os 15 reais????
    O pôr do sol parece lindissimo mesmo!
    beijocas
    Li

  3. Pois é, Poli, de fato até hoje o local oferece pouco. Espero a hora que tiver restaurantes bacanas e charmosos. Porque, sem dúvida, estar no ponto onde três fronteiras-irmãs se encontram, é bem emocionante!

  4. Sempre que alguma de vocês posta sobre Foz eu penso, que vergonha por não ter conhecido ainda esse lugar lindo! Dá até vergonha… o pôr do sol realmente é lindo, eu sou super fã de um belo pôr do sol! E também achei 15 reais salgadinho! Bjs!

  5. Foz do Iguaçu, merece um visita é cidade que apesar do calor eu moraria facilmente.
    Poliana suas fotos sempre são de muito bom gosto, parabéns.
    Abçcs.

  6. Que por do sol é esse, minha gente???
    Estive em Foz do Iguaçu, mas não tive a oportunidade de visitar esse local. Já sei que preciso ir no final da tarde para pegar essa vista linda!

  7. Primeira coisa: que foto! Quando visitei Foz (acho que em 2010), alguns lugares pareciam mesmo abandonados, preciso voltar (parece que muita coisa melhorou por lá)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar