Diversos

Hotéis low cost na Europa

Olha, eu sei que muita gente procurar hotel barato e se preocupa pouco com o hotel a ser escolhido em uma viagem porque diz que o hotel é só para dormir. Não, não é, ele é também para guardar suas coisas e deve ser um lugar que garanta a sua integridade física. Ou para você tudo bem cheiro nauseante, pequenos furtos, chuveiro estourando na cabeça (sim, isso já me aconteceu!), insetos rasteiros caminhando pela sua cama ou… corpo??? Então meu caro, a ideia de que ele seja só para dormir é meio falida na raiz. 🙂 Por isso, e para você que quer pagar barato eu vou dar uma lista de hotéis low cost (de rede ou não) que existem aqui no velo mundo.

Isso não quer dizer que a lista esteja findada, sempre existem novidades. E, por favor se você é daqueles inocentes que acham que por que é Europa é tudo limpinho, seguro e funcional: pare já de pensar assim. Tem muito pardieiro por aqui e principalmente nas grandes cidades. É bem verdade que eu encarei poucos deles, mas os que encarei não conformam boas lembranças!

Essa lista pode ser organizada graças à colaboração da minha colega de departamento Vanessa Menezes que é especialista em hotelaria, viajante incansável e dona desse blog aqui ó. Ela mencionou quase todos, e outros tantos eu conhecia ou fui pesquisando pela internet.

A primeira coisa que você deve ter em mente é a diferença entre barato e de preço baixo. Aqui eu quero lidar com hotéis que sejam de preço baixo, mas não de baixo nível. Aqui os hotéis serão genericamente denominados de baratos. E aqui existe uma miríade deles, vem comigo!

Na Europa, 80% dos hotéis é independente, e como tal não tem um padrão a ser perseguido e sempre oferecem uma surpresa de como será a limpeza, segurança, atendimento e etc. Por isso as redes me parecem tão mais seguras de escolher, mesmo que muitas vezes sejam impessoais.

Entre as redes bem baratas, dá para começar com a francesa Accor. O Ibis, Ibis Budget ou Ibis Styles são boas pedidas para uma boa relação custo e benefício, pois a ducha padrão é sempre boa e agora eles estão colocando uma cama chamada comfort que é muito boa. Dentre esses três, o Ibis Budget é sempre o mais barato, mas eu prefiro o Ibis Styles. Ele é um pouquinho mais caro, mas tem sempre o café da manhã incluído, diferente das outras duas bandeiras que o cobra a parte. (diz Vanessa). Para reservar você pode clicar no link a cima e vai vir a lista dos hotéis da rede Accor para o destino desejado. Note que o preço indicado é SEMPRE a partir, você deve ir em “ver tarifas” para certificar-se do valor operado para o período. Isso me incomoda um pouco, ontem mesmo eu vi um cuja tarifa estava a partir de 54 euros e ao tarifar ficou em 143 euros! Também cabe mencionar que os hoteis Ibis nem sempre estão super bem localizados, por isso o mapa será sempre seu companheiro.
ibis
fonte: site oficial
As bandeiras americanas são sempre as campeãs em preço baixo. Comfort Inn, Econologde, Sleep Inn, Holiday Inn Express (que hoje faz parte da britânica IHG, mas é de origem estadunidense), Ramada, Days Inn, Super 8, são boas escolhas. Super padronizados e com pouquíssimos serviços, mas são limpos e preço bom! É possível encontrá-los nas principais metrópoles europeias. Recomendação da especialista!
econolodge
fonte: site oficial
Para quem procura hotéis baratos no Reino Unido e Irlanda, Vanessa super recomenda o Travelodge. Super BBB! Ali em baixo tem um link com uma lista de hotéis BB no Reino Unido, tá?
Para quem procura hotéis na Itália (hotel BBB na Itália é como achar uma agulha em um palheiro – a hotelaria low cost italiana é demais de ruim), Idea Hotel é ótimo, barato, e café da manhã incluído!
Para quem procura um hotel mais descolado e com preços legais, Vanessa recomenda o Motel One (uma das suas preferidas!). É um rede alemã, mas que possui unidades na Alemanha, Áustria, Suíça, Reino Unido, Holanda e República Tcheca.  A B&B Hotels também é outra cadeia alemã descoladinha e precinho camarada. Eles tem hotéis na Alemanha, França, Itália, Marrocos e Portugal.
Para quem é fascinado por design (a Vanessa é!), mas não quer pagar uma fortuna por um hotel com essa característica, ela recomendo o 25 Hours Hotel (ama de paixão, sempre fica nestes hotéis!) e o Citizen M. A primeira tem hotéis na Alemanha, Áustria e Suíça (A Vanessa recomenda todos com ênfase). Mas eles não são padronizados. São meio temáticos, mas passam longe da breguice (ufa!). Já o Citizen M tem hotéis no Reino Unido, Estados Unidos, Holanda e Paris. Estas duas redes são um pouco mais caras que as baratex anteriores, mas estão longe de serem um absurdo de caras e são geniais.
citizen m
Citizen M (fonte: site oficial da rede)
Vanessa também recomenda a alemã Leonardo Hotels. Eles têm hotéis na Alemanha, Israel, Áustria, Hungria, Bélgica e Suíça. E a americana Best Western. Mas nem ela e nem eu somos fãs dessas redes como das redes já citadas.
Há também várias cadeias francesas como a Tim Hotel, Libertel, mas não convenceram a Vanessa. Eu já fiquei no Libertel em Paris e não posso me queixar pois era limpíssimo, bem localizado e atendimento ok, mas a unidade habitacional era bem pequena, padrão francês. Hotelaria low cost na França é no mesmo nível da italiana, complementa Vanessa.
O pessoal do Viaje na Viagem complementa essa lista comentando sobre alguns com atuação mais específica em Londres e Reino no Unido como um todo além do Travelodge já citado, link aqui
CitizenM-Hotel
fonte: site oficial de CitizenM-Hotel

E a queridíssima Patrícia do excelente Turomaquia fez até um review completinho do hotel EasyHotel de Berlim, clica aqui
Além dessa lista eu acresceria a NH da Espanha, presente em muitos países (inclusive e fortemente na Argentina). Não é uma rede baratíssima, mas bem padronizada, confortável e com preço camarada sim. Ah, além disso tende a ser bem localizada.

fonte: site oficial

 

Outra rede que pode ser acrescida aqui, mas é novinha e eu ainda não provei é a Moxy, uma junção da Ikea com a rede Marriott, por enquanto só em Milão.

E então, deu para dar uma ajudada? Espero que sim. Se você tem algum comentário ou complementação a fazer, use e abuse da caixa aqui em baixo!

Agora me dá licença que eu vou continuar procurando meu hotel, que não estava fácil, mas com essa listinha organizada vai ser baba!

Você já segue o Comendo Chucrute e Salsicha pelo instagram? Opa: @comendochucruteesalsicha

E já curtiu a página do blog no facebook?

Acompanhe tudo lá em tempo (quase) real!

Assine o nosso feed, na caixa aqui no topo a direita para receber todos os nossos posts em 1a mão. Não deixe de confirmar o mail que você vai receber tá? É só post mesmo que você vai ter em sua caixa, nada de spam!

Etiquetas
Mostrar Mais

Posts Relacionados

17 Comentários

  1. Muito legal!…..Vamos viajar minha gente, o melhor dinheiro empregado é em viagens, ainda mais quando se tem férias definitivamente…rsrsrs Beijuuuu

    1. Oi Guilherme, obrigada pelo comentário. É sempre bom saber que tem gente interessada. Abraços

  2. Que ótimo post, Poliana!!!! no Reino Unido, eu fiquei no Holliday Inn Express em Windsor e realmente achei ótimo custo-benefício. Outra rede no Reino Unido que gostei é o Premmier Inn, mas não sei se encaixa nesta categoria…

  3. Corpo? Como assim? Adorei a diferenciação entre “de preço baixo e de baixo nível”. Bom demais. Este seu post é de utilidade pública. Excelentes dicas em um texto de ótimo humor. Adorei. Tati

  4. Opa, url guardada para a próxima chance de bater perna pela Europa (fiquei em um hotel tão ruim em Madrid que dá até desgosto de lembrar, bom saber desta opção!!)

  5. Opa, amo low cost hehe Adorei as informações! Esclarecedoras e direto ao ponto que interessa! Viagem para Europa é sempre tabu, sempre dizem que é muito caro! Seguindo suas dicas, vamos economizar um bocado quando formos 🙂 Obrigada Poli!

    1. Acho que colocando as coisas na ponta do lápis, a Europa pode não ser tão mais cara do que EUA, Canadá e até muitos destinos brasileiros.
      É uma questão de ponderar. 🙂 Abraços

Veja Também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar