Europa

Gastronomia Molecular em Curitiba

A gastronomia molecular é caracterizada pelo incremento dos processos químicos e físicos nos ingredientes no sentido de transformar alimentos ou até mesmo pratos completos ou bebidas na intenção de melhorar aspectos estéticos e palatáveis. O resultado é bastante impressionante e surpreendente.

gastronomia molecular
Sobremesa deliciosa

A gastronomia molecular é sempre produzida em pequena escala, usualmente os pratos são pequenos e com um apelo visual bastante relevante. Não raro os pratos levam nitrogênio líquido ou coagulantes, também é comum que eles sejam finalizados na mesa e que sempre sejam servidos acompanhados de explicações sobre os processos que ali foram empregados.

gastronomia molecular
Pipoca bafo de dragão, que é geladinha, gostosa e faz sair fumaça do nitrogênio líquido pelo nariz, boca…

Provar gastronomia molecular é uma experiência muito legal para os sentidos, para comer sem pressa e sem receios: na boca o resultado impressiona tanto quanto aos olhos.

gastronomia molecular
Pão de feijoada. Pão de feijoada? E isso é bom? É delicioso, e com esse pesto fica irresistível!

Desde 1988 a gastronomia molecular é trabalhada na Europa, aqui ainda são tímidos os restaurantes que trabalham com essa modalidade. Mas Curitiba já tem há 4 anos um restaurante dedicado a gastronomia molecular: Poco Tapas. Sob comando do Chef Fabio Mattos, foi recentemente eleito o 3o melhor restaurante do país (Trip Advisor).

gastronomia molecular
Fachada

Em um ambiente simpático e despretensioso o garçom explica que o restaurante se inspira no conceito de tapas da Espanha (já viu o post índice com todos os posts da Espanha? clica aqui!) no sentido de servir pequenas porções de comida, mas comidas e bebidas da gastronomia molecular com inspiração em diferentes pratos tradicionais do mundo: Brasil, Coreia do Sul, México…

gastronomia molecular
menu de bebidas moleculares. mas também tem bebidas tradicionais tá?

O menu degustação serve entrada + 10 tapas salgadas + 5 tapas de sobremesa. Custa R$125,00 por pessoa e as bebidas são a aparte. Antes que você pense que não vale a pena, porque vai sair com fome… Olha, de tapas são 900 gramas de comida + entrada + bebidas… Sai com fome não, ao contrário…

gastronomia molecular
Brusquetas. Esse pozinho é azeite de oliva… 🙂

E sim, não é necessariamente barato, mas outro dia comi no Hard Rock Café de Curitiba também e gastei o mesmo para um prato que era sim bastante farto, mas nada de especial. Experiências diferentes na mesma cidade, com o mesmo preço mas que na minha opinião com valores bem díspares. 😉

gastronomia molecular
Para limpar o paladar, um sorbet de limão.

Eu super recomendo o Poco Tapas, que além de super saboroso o atendimento é para lá de bom.

gastronomia molecular
caipirinha e batida! oi? Delícia de sabores que explodem na boca

E você, já provou gastronomia molecular? Conhece este restaurante? Compartilha conosco. A Patrícia do Turomaquia já provou e publicou esse post muito legal!

gastronomia molecular
Feijoada tradicional! Não faltou nada, nem a laranja que está no meio das duas porções. Nhammmm

Poco Tapas – Av. Vicente Machado, 2786 Batel.

(41) 99682.8758

Aberto de segunda a sábado, somente com menu degustação e jantar.

gastronomia molecular
Queremos mais! 🙂

Curtiu? Comenta! Compartilha! Faz uma blogueira feliz com a sua interação.
Já segue o @comendochucruteesalsicha no Instagram? Lá você acompanha tudo em tempo – quase – real.
E você já curtiu a página do facebooK? Curte lá!
Para receber nossos posts em primeira mão, inscreva-se no nosso feed (ali em cima, à direita), sempre e apenas quando os posts forem publicados você receberá o link em seu e-mail!

Mostrar Mais

Posts Relacionados

16 Comentários

  1. POLI, saudades de Curitiba, e vendo esses pratos deliciosos aumenta ainda mais !!!
    Adorei, essa postagem, parabéns já estava com saudades de suas publicações.

  2. Opa!
    Apesar de fazer uns dias que postou, não tinha ainda lido. Gostei muito da explicação como sempre…rsrsr Acredito ser muito bom mesmo o cardápio….Delicia!..
    Poli, qdo a gente for novamente a Curitiba vamos conhecer, vc topa, ir no Tapas?…rsrsrs
    Beijuuuu

  3. Aqui no México está super em alta também, mas, ainda nao tive a oportunidade de provar porque meu marido sempre acha que é pagar muito por pouco. Vou tentar convence-lo. Outra coisa que está bem em alta aqui é a tal ¨pornfood¨. E é bem deliciosa mesmo….rs Conceito de ¨comer com os olhos…¨ Saludos.

  4. Já ouvi falar muito da gastronomia molecular, mas ainda não tive a oportunidade de experimentar. Vontade é o que não falta!
    Essa pipoca bafo de dragão deve ser tudo, né? Faltou uma foto com a fumaça saindo do nariz kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar